Sentindo o efeito do “Eu te amo”

essaaki 

Sabe eu acho que a melhor parte de dizer “Eu te amo” ,( mas é aquele de verdade mesmo , e não só por que alguém juntou um lápis para você ,ou porque o nerd da sala te deu cola do dever de matemática, até para aquela amiguinha que conhecemos faz uns dois dias) além de ter alguém para quem dizer ,é perceber que a outra pessoa sente o mesmo.
Ás vezes da tanta felicidade de saber disso que sentimos uma vontade enorme de gritar “Gente ele me ama” ou “Gente alguém me ama e não é meu pai nem a minha mãe ” e consequentemente ganhamos um sorriso enorme pregado no rosto que pode crer não sai por nada (parece até Botox) , e quando estiver em qualquer situação pode ser a pior ou a melhor vamos ficar lembrando daquelas três palavrinhas saindo daquele ser que nós amamos tanto e que mal podemos esperar para ouvirmos de novo .
Realmente meu professor de filosofia estava certo quando falou que “todos os apaixonados são ridículos” ,mas pode crer os ridículos mais sortudos do mundo ,pois dizer que ama alguém e ser correspondido é uma das melhores coisas do mundo.

 

Anúncios

Uma opinião sobre “Sentindo o efeito do “Eu te amo”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s